sarna no beat_6

Entre os dias 13 e 17 de Julho, uma semana de debate científico pioneiro, muita música e exposições na cidade do Porto, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Casa da Música e Rivoli. A KISMIF Conference 2015, ponto de encontro de cientistas sociais e aficionados que, um pouco por todo o mundo, investigam e divulgam o fenómeno musical e todas as manifestações que lhe estão associadas.

To me, punk rock is the freedom to create, freedom to be successful, freedom to not be successful, freedom to be who you are. It’s freedom – Patti Smith

A Conferência, coordenada por Paula Guerra e Andy Bennett, tem sede na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, mas visitará outros espaços da cidade, com destaque para a Casa da Música, o Teatro Municipal Rivoli, o Edifício Montepio, o Plano B, a Matéria Prima e o Radio Bar.

A anteceder a conferência propriamente dita estará uma Summer School dedicada à formação de jovens investigadores de todo o mundo interessados nestas temáticas. Organizada por Paula Guerra e Andy Bennett, esta ‘escola de Verão’ de dois dias (13 e 14 de Julho) receberá diversos especialistas, que vão discutir com a nova geração de investigadores os mais recentes desenvolvimentos da sociologia e disciplinas afins face à popular music.

O programa começa, todavia, quase uma semana antes: no dia 7 dá-se o arranque oficial das actividades, no Teatro Municipal Rivoli, com a abertura da exposição ‘DIY DIY My Darling! Outspace Zines & Records’. O programa paralelo à conferência prossegue no dia 10, com a inauguração de mais quatro exposições, uma no Palacete dos Viscondes de Balsemão (‘Under-Ventures by Ondina’) e três no Edifício Montepio (‘Ain’t Art, Bastards! Exhibition of Esgar Acelerado’; ‘We Love 77’ e ‘DIY DIY My Darling! @Montepio’). No dia 13 de Julho, o destaque vai para a inauguração da exposição ‘On the Road to the American Underground’ que, a partir do emblemático livro de Jack Kerouac, On the Road, irá explorar através de livros, discos, imagens e outros artefactos vários, o imaginário da beat generation americana na procura da afirmação de si e da liberdade – aproveitando a presença de Ross Haenfler e Dick Hebdige no Porto.

Depois da Summer School, tem finalmente início o momento central do programa. A conferência deste ano contará com a presença de um número recorde de 220 participantes, oriundos de 30 países. Para além de um conjunto alargado de sessões plenárias, com alguns dos mais reputados investigadores mundiais destas áreas presentes pela primeira vez em Portugal – Dick Hebdige e Dave Laing –, a conferência terá um número alargado de sessões paralelas, destinadas à discussão aprofundada de temáticas tão diversas como: a relação entre underground e mainstream; as particularidades de múltiplas cenas musicais, do punk ao hip hop, passando pela música electrónica; a organização das cenas e espaços dedicados à prática e à vivência da música; a constituição e reprodução de (sub)culturas juvenis; as lógicas associadas ao do-it yourself; as questões relativas à produção, mediação e fruição musical; ou as particularidades da produção musical independente. Os debates serão intensos e animados por Vitor Belanciano, Álvaro Costa e David Pontes.

maxresdefault

O debate científico será complementado por um vasto programa de eventos, distribuídos pela Faculdade de Letras, pela Casa da Música e pelo Teatro Municipal Rivoli. Dos inúmeros lançamentos de livros previstos, o destaque tem de ir para o pré-lançamento de ‘O Meu Espelho‘, o novo livro de Paula Guerra, que retrata 11 trajectos biográficos de personalidades do rock português. Adolfo Luxúria Canibal, Alexandre Soares, Gustavo Costa, João Peste, João Vieira, Paulo Furtado, Pedro Ayres Magalhães, Rui Reininho, Tó Trips, Xana e Zé Pedro são os protagonistas deste trabalho, que promete dar a conhecer o lado menos conhecido destes músicos. Também organizado por Paula Guerra, será lançado na Conferência o livro More Than Loud: Os Mundos Dentro de Cada Som. Merece igualmente especial destaque o lançamento do livro de Andy Bennett dedicado à festivalização da cultura, assim como o relançamento do emblemático livro de Dave Laing, One Chord Wonders: Power and Meaning in Punk Rock.

As Palavras do Punk – livro recente de Augusto Santos Silva e Paula Guerra – alimentará uma discussão muito importante e de relevo mundial acerca dos processos simbólicos e identidades presentes nas manifestações musicais na Casa da Música.

Para além de diversas exposições, a KISMIF Conference 2015 será ainda palco da estreia nacional do primeiro documentário em torno do punk português, “Bastardos: Trajectos do Punk Português (1977-2014)”, também ele produzido pelo projecto de investigação KISMIF que está na génese desta Conferência. O documentário retrata as diversas formas de manifestação social e musical da cena punk portuguesa, de 1977 até aos nossos dias, tal como são perspectivadas pelos seus protagonistas. A estreia terá lugar no dia 14 de Julho, no Pequeno Auditório do Teatro Municipal Rivoli.

Finalmente, os concertos. Em paralelo ao debate científico e às diversas iniciativas que lhe estão associadas, a KISMIF Conference 2015 promove três concertos: no dia 14, também no Teatro Municipal Rivoli, Tó Trips apresenta o seu segundo trabalho a solo, Guitarra Makaka: Danças a Um Deus Desconhecido. No dia seguinte, é a vez de Psicotronics e Tracy Vandal atuarem, também no Teatro Municipal Rivoli. A conferência encerra com um concerto do trio de Coimbra d3ö, no Plano B, outro dos espaços culturais portuenses associados a este evento que promete marcar a agenda da cidade no próximo mês de Julho.

Em suma, uma semana recheada de discussão científica, de música, de debate e de mostra das underground music scenes, num diálogo incessante entre a academia e a cidade e o mundo inteiro. Sob o lema CROSSING BORDERS estarão reunidos 250 investigadores, músicos, críticos e jornalistas; 14 key speakers de renome mundial; 12 centros de investigação e universidades nacionais e internacionais; 13 exposições; 7 concertos e DJ sets; 12 lançamentos de livros; 9 espaços – mostrando que existe uma CITY IN MY HEAD!

Mais informações:
https://kismif.eventqualia.net/en/2015/home/
http://www.punk.pt/kismif-conference-2015/

kismif.conference@gmail.com

Texto de KISMIF Conference 2015
Fotografia de Ricardo Graça
Apoio: Preguiça Magazine
(Publicado a 2 Julho 2015)